terça-feira, 28 de abril de 2009

Amigos da Onça

Quando vi esta simpática e carinhosa onça "beijando" pra valer o funcionário de um zoológico, achei bacana e lembrei de quantas estampas de "Oncinha" e outros bichos, estão circulando por aí, embora a mesma seja um clássico.
Ai pensei que tenho uma bolsa, um sapato, alguns acessórios e uma umbrela (sombrinha, guarda-chuva), presentes de minha irmã há algum tempo e resolvi perguntar para ela - que entende de moda, como eu poderia combinar todos estes apetrechos com outros itens de meu guarda-roupa e ela, para que eu não caia no exagero, respondeu pausadamente:
"Blusa de oncinha, tudo bem.Sapato de oncinha, arrasou.
Bolsa de oncinha, demais...
Agora, bafo de oncinha, nem peeennnsssaaarrr".
E ainda acrescentou: Vamos ser "Amigos da Onça" e não é pra matar a pobrezinha para aproveitar a sua pele, viu? É tudo sintético, senão fica sem graça (e sem vida), é tudo estamparia...
Eu achei bárbaro, e entendi a mensagem. E você????

segunda-feira, 27 de abril de 2009

Pense nisso...

À meia-noite, temos um amanhã em botão, então ponha de lado suas tristezas e espere o botão se abrir. Será um novo dia, belo e perfumado. Espere o botão se abrir. Pare de se preocupar e andar às cegas! à meia-noite, temos um amanhã em botão. E o nome dele é o raiar da esperança - A New Trail (Um Novo Caminho).

"Deus nos ajudará assim que o Sol surgir (Sl. 46:5 - Versão Espanhola). Pense nisso...

domingo, 26 de abril de 2009

Susan Boyle, vamos ver de novo?

Na semana passada, Susan Boyle, 47 anos, enfrentou muita gozação do público e dos jurados no "Britain's Got Talent", versão inglesa do "American Idol", por sua aparência e jeitão esquisito.

Mas ao se posicionar e abrir a boca, fez uma emocionante interpretação de "I Dreamed a Dream". Foi aplaudida de pé, aprovadíssima pelo júri e é sucesso, chegando a superação de 22 milhões de visitas no You Tube. O planeta Terra está encantado com ela e não se fala em outra coisa.

É um engano avaliarmos apenas as aparências das pessoas. Fica a lição para todos aqueles que porventura tenha algum "sonho engavetado" e se acha um patinho feio, bem escondidinho por ai.

Susan Boyle, vamos ver de novo? Clique no link abaixo, pegue o lenço e prepare-se para chorar (de novo).



Especial, Canção do Amor "O Amor é Lindo"

Enfim , concluo o meu loooonnnngo "Especial, O Amor é Lindo". Embora, não seja uma especialista da área, aprecio este assunto, amei falar um pouco e teria muito mais para falar, pois sou uma eterna aprendiz, mas fica para uma outra ocasião. Abaixo, a "A Canção do Amor", escrita pelo Apóstolo São Paulo, extraído da Bíblia Sagrada e famosa no mundo inteiro.

Vale a pena tentar ao menos, praticá-la, no dia a dia ao lado de quem dizemos amar. Ei-la:

"Eu poderia falar todas as línguas que são faladas na terra e até no céu, mas, se não tivesse amor, as minhas palavras seriam como o som de um gongo ou como o barulho de um sino.

Poderia ter o dom de anunciar mensagens de Deus, ter todo o conhecimento, entender todos os segredos e ter tanta fé, que poderia tirar as montanhas do seu lugar, mas, se não tivesse amor, eu não seria nada.

Poderia dar tudo o que tenho e até mesmo entregar o meu corpo para ser queimado, mas, se não tivesse amor, isso não me adiantaria nada.

Quem ama é paciente e bondoso. Quem ama não é ciumento, nem orgulhoso, nem vaidoso.

Quem ama não é grosseiro e nem egoísta; não fica irritado, nem guarda mágoas.

Quem ama não fica alegre quando alguém faz uma coisa errada, mas se alegra quando alguém faz o que é certo.

Quem ama, nunca desiste, porém suporta tudo com fé, esperança e paciência.

O amor é eterno." I Coríntios 13:1-7

Especial, Dicas "O Amor é Lindo"

Gente, estas dicas são para casais que estão no mínimo uns 20 anos casados, com filhos, após passar por várias tempestades,..., OK? Portanto, não se assustem. Vamos lá...

1.Pressupor seu parceiro. "É como ter um jardim que não se esteja capinando e adubando", diz Robert Billingham, prof. de estudos da família na Universidade de Indiana. “Não se pode esperar que continue a florescer”, complementa. Deixe seu cônjuge saber que você o ama. Olha que imagem linda deste casal que parece casado há um bom tempo.

2.Esquecer-se de que um bom casamento dá trabalho.“As pessoas pensam que ter um casamento feliz é um acontecimento mágico, místico”, diz o terapeuta de família Leslie Parrot, co-autor de “Quando coisas ruins acontecem a bons casamentos”. “Aceitamos o fato de que a paternidade requer bastante perícia e habilidade, mas não queremos aceitar a idéia de que o amor romântico requer muito trabalho, também”, afirma Parrot.

3.Não conversar durante divergências. Se você confia em suspiros profundos, batidas de portas e outras comunicações não verbais quando algo o está aborrecendo, você pode estar brincando com fogo. Tão doloroso quanto possa ser começar a conversar, você deve falar.
4.Deixar de fantasiar seu parceiro. “Todos desejamos que nos façam especiais”, diz a psicóloga Kate Wachs, autora de vários livros sobre casamento. “Por isto, é tão importante separar ao menos uma noite por semana para você e seu parceiro e usar esta “noite de encontro” habitual para compartilhar suas esperanças e sonhos”, afirma Wachs.
5.Brigar sujo. Quanto melhor você conhece alguém, mais fácil é ferir essa pessoa. “Não importa quão irritado você possa estar com alguma coisa,” diz Naylor, “você precisa resistir à tentação de imaginar a coisa que mais magoará seu parceiro e então usá-la contra ele.”

6.Brigar por dinheiro. Estudo recente de uma respeitada associação internacional de profissionais de seguro de vida e serviços financeiros descobriu que 43% dos casais casados discutem sobre dinheiro. Se o dinheiro está se tornando uma grande fonte de conflito, você deve pensar em sentar-se com um planejador financeiro ou alguém de fora que possa auxiliar a desenvolver um plano financeiro com o qual vocês dois possam conviver.
7.Deixar a paixão fracassar. ‘Façam sexo freqüentemente e com criatividade” aconselham os estudiosos do casamento. Se os casais forem esperar até que ambos estejam com vontade, acabarão não tendo absolutamente muito sexo, e com o passar do tempo, acabarão se afastando. O segredo não é esperar as coisas acontecerem. É preciso fazer acontecer. Em outras palavras, os casais precisam construir o clima e não esperar que ele apareça naturalmente.

8.Interrompendo a vida sexual quando se está aborrecido ao invés de lidar com os problemas. Muitos usam a abstinência sexual no casamento para ferir o cônjuge. Embora reter o afeto possa parecer o modo ideal de punir seu cônjuge, há um sério risco de danificar o relacionamento.


9.Não compreender que casamentos têm altos e baixos. “Tudo bem em esperar momentos incríveis no seu casamento,” diz Parrott. “Apenas não espere que eles aconteçam todos os dias”.

10.Jogar a toalha muito facilmente. “Estamos tão acostumados ao conceito de obsolescência que tratamos nossos parceiros como descartáveis,” diz Herb Glieberman, advogado de divórcio de Chicago e autor de “Como reacender as chamas ao invés de procurar a escotilha de fuga mais próxima.”

sábado, 25 de abril de 2009

Especial, Recém-casados - "O Amor é Lindo"

"... Deixará o homem o seu pai e a sua mãe para se unir com a sua mulher e os dois se tornam uma só carne (uma só pessoa)". Gênesis 2:24
A partir do "Enfim, Sós!" tem início uma nova família, conforme mostra o versículo bíblico acima, desde o início do mundo. A partir de agora, que "juntaram as escôvas de dentes", é que surgirão as adaptações, pois cada um trouxe sua herança familiar e colidirão suas vontades para fazer nascer uma nova família. Os assuntos e responsabilidades são diversos: finanças, administração e cuidado da casa (e do lar), vida sexual, planejamento se terão ou não filhos, relacionamentos com os sogros, famíliares, amigos em comum e as diversas atividades sociais, que surgirão, naturalmente.

É inacreditável, mas algumas "briguinhas" surgirão e se não tratadas, complicarão a relação. Psicólogos do mundo inteiro, concordam que o primeiro ano do casamento na vida do homem e da mulher é bastante complexo. Mesmo quando o casal namora há muito tempo, os hábitos e manias de um podem entrar em choque com os do outro e ambos se deparam com dificuldades que antes não existiam.

Homens e mulheres vivem uma fase difícil quando tem que se adaptar ao novo lar e a convivência com o cônjuge. Alguns, não gostam de "dar o braço a torcer" e ficam "alimentando" discussões que não levam à nada; apenas à mágoas, ressentimentos, complexos, que se não tratados, se transformarão em feridas profundas.

Costumo assistir, sempre que posso "Coisas de Mulher" aos sábados, na Record News. Ele é gravado ao vivo em Londres de manhã e transmitido no Brasil às 16h. Assisti o programa com o tema "Manual dos Recém-Casados" e foi ótimo. Iniciou com as apresentadoras (são 04) falando sobre as suas experiências pessoais: Moti, que é sul-africana e se casou com um português e Cris, portuguesa casada com brasileiro, tiveram que adaptar-se às diferenças culturais. Line não sabia cozinhar e Vivi contou que era muito ciumenta e possessiva.

As telespectadoras mandaram mensagens dizendo que saber respeitar o parceiro, ceder e pensar sempre no outro são importantes para um bom relacionamento. "Se você não está contente com uma situação, precisa fazer algo para mudá-la ao invés de ficar exigindo que ele mude", disse Line; e Moti acrescentou: "A única pessoa que você controla é a si mesmo, não temos como controlar o outro". Perdão também é fundamental e permite o recomeço, sempre que necessário.

As dicas do programa foram: ajuste-se ao outro, controle os impulsos e perdoe, não deixe que o trabalho atrapalhe a relação, não seja possessiva, evitem discussões desnecessárias e por fim, considere o diálogo como questão fundamental para a boa relação.
Se a cada discussão ou desentendimento que enfrentarem (geralmente por coisas bobas) o casal parar, analisar, confrontar e perdoar, mudar a postura, ser flexível - sempre uma das partes tem que ceder (cada um terá a sua vez) o amadurecimento vai chegando e com o tempo vocês darão risadas de situações do passado que pareciam intoleráveis.
Sejam muuuuiiitttoo amigos, cúmplices e cada um deseje a felicidade do outro, e não a sua. Com o tempo, tirará de letra os pequenos desentendimentos. Portanto, tenham boas conversas sempre que for preciso e, protejam seu casamento.

sexta-feira, 24 de abril de 2009

Especial, Lua-de-Mel "O Amor é Lindo"

Bom, como este "Especial" tem se alongado, apesar de delicioso tenho que chegar ao fim - no máximo mais uns 03 posts, pois, não disponho mais de tempo. Hoje é um dia muito importante da minha vida, pois estou entrando para o mundo da televisão (e, cá entre nós, confesso que estou louquinha para escrever sobre assuntos gerais).

Gostaria muito de falar sobre a origem do bolo, a marcha nupcial, daminhas, madrinhas, as lembrancinhas, a música, iluminação, fotos e filmagem, "Dia da Noiva",... mas é inviável e com o planejamento (lá do início), você poderá captar muitas idéias que a ajudarão em cada um destes detalhes com profissionais especializados.

Desde o momento em que resolveram casar, os noivos devem ser a fonte de inspiração para que o resultado final seja a realização de um sonho. Tudo deverá ser escolhido, combinado, contratado, confirmado, revisto e acompanhado de perto, para garantir que todos os profissionais envolvidos façam seu trabalho corretamente e no tempo certo. O importante é que seu casamento seja único, e sobretudo inesquecível com requinte ou não (e isso não quer dizer que tenha originalidade e bom gosto). Com festa, sem festa,... acabou a cerimônia, os dois "pombinhos" estão exaustos.... e Chega o Enfim, sós!!! Para quem decide viajar, é importante checar a melhor época para ir a alguns destinos, dentro ou fora do Brasil. Os mais experimentados aconselham tirar no máximo 15 dias para desfrutar da lua de mel, embora o ideal seja uma semana e não recomendam "dar uma volta ao mundo"...., seriam muitas emoções. Deixem para algum aniversário de casamento.O importante é que depois de toda correria da organização da cerimônia e da festa, e passada a ansiedade do grande dia, é hora de aproveitar e começar esta nova etapa de suas vidas, seja nas montanhas, na praia, no campo ou na cidade... Há aqueles casais mais exóticos que preferem a neve .... (ui que frio, pra mim que sou uma amante do sol, nem pensar...). Outros aproveitam o hobby para mergulhar fundo (literalmente)... Não importa, o importante é descansar, desfrutar e estarem inteiros e juntinhos - sem agenda, cheios de amor pra dar..., para o início de uma grande caminhada juntos.

Um detalhe: Você sabia que existem especialistas para arrumar a sua casa, principalmente para quem acabou de casar? A Help Personal Assistant criou o serviço "Casa Pronta" e funciona assim: uma consultora faz uma entrevista com o casal para saber seus gostos e estilos e, durante a viagem de lua de mel, arruma toda a casa para eles, desde a cozinha até os quartos e salas.

Ótima idéia, não é?

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Especial, Festa (ou não) "O Amor é Lindo"

Fiquei maravilhada quando vi esta imagem numa revista. Na hora, liguei para o autor desta magnífica obra de arte, o Oswaldo, para parabenizá-lo e claro, solicitá-la. Não é linda? ele conseguiu usar o arroz, tão básico e simples - mas um clássico e dar vida a este casal de noivinhos-arroz para fazer juz ao nome do buffet que também é espetacular. Quanta criatividade!!!
O hábito de lançar arroz aos noivos é um rito igualmente milenar. Significa o desejo de dar sorte, felicidade e prosperidade aos noivos. Os grãos de arroz simbolizam a fertilidade, por isso o objetivo ao se lançar arroz é desejar aos recém-casados que tenham muitos filhos e fartura na sua vida. Há quem prefira lançar pétalas de rosas ou outras flores, o sentido é idêntico. Em certas culturas ainda se lançam aos noivos pedaços de pão, bolo e doces.
Bom, depois de tanto colírio para os olhos nos posts anteriores, desta vez, não mencionarei outros buffes ou espaços para festas, já que São Paulo oferece centenas deles para todos os gostos e bolsos; aliás, há casal que prefere não fazer uma grande festa. Mas ressalto uma coisinha só: Tem que ter bolo e pelo menos alguns docinhos, como os de cima, não acham?

Apenas para lembrar, caso resolva contratar um espaço para festa, veja se no local há realmente capacidade para o número de convidados que deseja. Caso contrário, o espaço ficará lotado e desconfortável, com pouco espaço para locomoção e aí toda a beleza irá por água abaixo... Vamos à a lua-de-mel????

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Especial, Acessórios "O Amor é Lindo"

Coroas, tiaras, véu, sapatos, luvas, jóias e as alianças, claro, são acessórios e fazem toda a diferença. Eles complementam o visual feminino e se no dia a dia, já são indispensáveis, imagine então quando você estiver caminhando para o altar.
Pesquisei algo para os noivos, mas, sem chance... No máximo, além da aliança, um belo relógio e (até as abotoaduras que já foram muito famosas, sumiram do mapa!) nada mais além disso com uma vestimenta impecável, lógico.
Uma vez que a noiva é sempre o centro das atenções, um belo vestido é imprescindível, mas não o suficiente para ela, neste dia. E são estes pequenos detalhes que tornam o moento ainda mais especial.
As alianças, além de selar compromissos, são repletos de simbolismos. Os modelos variam de peças clássicas às mais inovadoras. Alguns lugares oferecem a opção para os casais que desejam desenhar seu próprio modelo. A escolha é dos noivos....

Bom, vamos parar de papo e "vislumbrar" tantas imagens lindas que dispensam palavras. Está tudo misturado, porque vale tudo. Respire e, vamos lá...


















Próximo post,... tcham, tcham, tcham, tcham,.... Aguardem!!!!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails