sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Esfrie-se!


Estamos vivendo dias cada vez mais difíceis e estressantes. Em determinados momentos, agimos com impulsividade, impaciência e muita ira. Abaixo um mensagem bacana, extraída de um site com mensagens motivacionais.
"Para cada minuto que você permanece irado, você perde sessenta segundos de felicidade. Ralph Waldo Emerson
Atitudes tomadas sob o impacto da ira são extremamente ineficientes. Tudo que é feito em ira com toda certeza se transformará em dor e pesar. A maioria das atitudes tomadas em ira são cegas e irracionais. Quando você permite que a ira domine suas ações, você se coloca em grande desvantagem. A melhor coisa a fazer quando invadido pela ira é esperar. Conte até 10. Conte até 100. Pense. Fale com alguém. Deixe passar a ira momentânea antes de tomar o próximo passo. Certamente que a ira produz energia, mas... leia mais: http://www.encorajamento.com/ ".

quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Cartão de Visitas

Recebi este e-mail de uma de minhas amigas e acho que vale a pena publicá-lo. O fato ocorreu há quase 120 anos (em 1892) mas cabe bem em nossos dias tão modernos "e cheios de si".

Um senhor de 70 anos viajava de trem tendo ao seu lado um jovem universitário que lia o seu livro de ciências. O senhor, por sua vez, lia um livro de capa preta. Foi quando o jovem percebeu que se tratava da Bíblia e estava aberta no livro de Marcos.

Sem muita cerimônia o jovem interrompeu a leitura do velho e perguntou:- O senhor ainda acredita neste livro cheio de fábulas e crendices?

- Sim, mas não é um livro de crendices. É a Palavra de Deus. Estou errado?

- Mas é claro que está! Creio que o senhor deveria estudar a História Universal.Veria que a Revolução Francesa, ocorrida há mais de 100 anos, mostrou a miopia da religião. Somente pessoas "sem cultura" ainda crêem que Deus tenha criado o mundo em seis dias. O senhor deveria conhecer um pouco mais sobre o que os nossos cientistas pensam e dizem sobre tudo isso.

- É mesmo? E o que pensam e dizem os nossos cientistas sobre a Bíblia?

- Bem, respondeu o universitário, como vou descer na próxima estação, falta-me tempo agora, mas deixe o seu cartão que eu lhe enviarei o material pelo correio com a máxima urgência.

O velho então, cuidadosamente, abriu o bolso interno do paletó e deu o seu cartão ao universitário. Quando o jovem leu o que estava escrito, saiu cabisbaixo sentindo-se pior que uma ameba.

No cartão estava escrito:



"Um pouco de ciência nos afasta de Deus. Muito, nos aproxima'. Louis Pasteur.

(Cartão de visitas - Fato verdadeiro, integrante da biografia, ocorrido em 1892)

sexta-feira, 7 de novembro de 2008

Barack Obama, esperança para a América?

Emocionante a cobertura de vários jornais da TV na quarta-feira sobre a vitória de Barack Obama. Além dos americanos, a festa foi geral e se espalhou por todo o mundo com muita alegria pela conquista do primeiro presidente negro do país, considerado o mais poderoso do planeta.

Em 2004 ele era apenas um político regional, pouco conhecido fora do estado de Illinois, mas o futuro do presidente dos EUA começava ali, ao descer do palanque e apesar de declarar que sua presença naquele palco era improvável, não demorou muito e em 2007 ele anunciou que seria pré-candidato à presidência da América. De lá pra cá conhecemos sua batalha com a senadora Hillary Clinton e sua famosa frase: “Não há uma América liberal ou conservadora, uma América branca ou negra, há os Estados Unidos da América”.
Barack - "abençoado" em árabe, nasceu no Havaí, morou na Indonésia, em Nova York - onde estudou e foi Chicago que se tornou sua base política e profissional pois foi onde chegou com o diploma e um novo emprego de organizador de comunidades e de igrejas. Alguns anos depois partiu para Harvard, se formou em direito e conheceu sua esposa Michelle Robinson, também advogada graduada em Harvard. Ele recebeu ofertas para advogar mas decidiu seguir carreira política.
Homem de família, passado difícil, seu pai foi embora quando ele ainda era pequeno, enfrentou problemas com drogas e álcool. Foi persistente, lutou, estudou, correu atrás de seus ideais. Apesar de ter tido mãe branca, escolheu uma mulher também negra, neta de escravos para casar, tem duas filhas e é o mais novo inquilino da Casa Branca.

Obama, em tão pouco tempo, tem mostrado uma trajetória de conquistas: no mesmo ano em que se elegeu senador, ganhou projeção nacional na Convenção Democrata e desde então saiu em capas de revistas, colecionou aparições na TV e foi subindo mês a mês. Ganhou um grammy por ter gravado um dos livros dos quais escreveu e a internet contribuiu, e muito, para sua "promoção".

Um de seus livros "A Audácia da Esperança" revela que o fato de ser senador o poupou de alguns esbarrões e hematonas que muitos homens negros suportam, e que também havia enfrentado o "ritual de mesquinharias” incluindo seguranças que o seguiam em lojas de departamentos, casais brancos entregando a chave do carro a ele do lado de fora dos restaurantes, confundindo-o com o manobrista. Ele menciona que "sabe como é quando as pessoas lhe dizem que não pode fazer algo por causa da sua cor e sabe exatamente o gosto amargo do orgulho negro engolido".

Estamos vivendo um novo momento na história do mundo globalizado sem fronteiras políticas e geográficas. Há muita expectativa sobre a responsabilidade que agora pesa nos ombros do jovem advogado de 47 anos, Barack Hussein Obama Júnior que recebe um país financeira e moralmente quebrado, responsável por uma crise de dimensões mundiais. Daqui a poucas semanas, 20 de janeiro, ele assumirá como o primeiro presidente negro da história dos Estados Unidos e sabe que não será uma tarefa fácil, conforme seu discurso no dia da vitória.

Que Deus o abençoe, Senhor Presidente, ou melhor, God bless you!

sábado, 1 de novembro de 2008

Meu Blog...

Hoje meu blog completa três meses. Tenho vivenciado esta novidade com prazer, intensidade e por outro lado, com uma certa frustração, por não estar conseguindo tempo hábil para publicação de meus posts. Variedades muitas, idéias não faltam, estão fervilhando na minha mente, mas... o tempo, ah, como ele é cruel, às vezes.... São tantas outras coisas também importantes pra se fazer durante o dia, a semana, o mês!

Aproveito para agradecer a todos os visitantes - amigos e por enquanto desconhecidos, do Brasil e de outros países afora (já são vinte e dois!!!!). Com certeza, se fosse em outra situação, como ter um filho por exemplo, eu não teria recebido 345 visitas, nacionais e internacionais, dentro de minha casa e de minha vida em tão pouco tempo - 03 meses!

Obrigada mesmo, e, vamos caminhando dia-a-dia, com as "Good News!" que estão por aí, esperando para bater à nossa porta. Ainda sou "nova na área como blogueira", mas chegarei lá.... Este ursinho muito gracioso, ganhei de uma amiga - grande ajudadora na montagem deste blog - como um de meus cartões de aniversário e reparto-o com você. Ele não é fofo?

Abração e um mês cheio de conquistas!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails